• Diogo Oliveira

Missão: Truques para Fotografar o Rabirruivo-preto, Aves de Portugal

O Rabirruivo-Preto, Phoenicurus ochruros, é um passeriforme facilmente encontrado em jardins urbanos, enquanto no campo prefere encostas rochosas e áreas montanhosas.


Não ultrapassa os 14 cm de comprimento e os 24 cm de envergadura, o macho possui a cabeça preta e a cauda vermelho alaranjado, tal como o nome comum indica. Preferem zonas rochosas, mas adaptaram-se a áreas habitadas pelo ser humano, encontrando nas nossas infra-estruturas locais de nidificação semelhantes aos que encontrariam na Natureza.


Alimentam-se essencialmente de insectos, que recolhem do solo. Podem por vezes saltar sobre os insectos a partir do poleiro. Nos meses mais frios podem também comer algumas bagas e frutos. Empoleira-se com o corpo erecto, fazendo vibrar a cauda ruiva. Normalmente é tímido e nervoso, voando de árvore em árvore.


É residente em quase todos os locais da sua distribuição, embora as populações do Norte invernem no Sul da Europa ou no Norte de África. Tem vários comportamentos característicos, oscilando a cauda quando se encontra pousado em telhados ou muros, possui um voo rápido e possante, conseguindo parar no ar junto a uma parede vertical de forma a capturar insectos ou larvas.


Este indivíduo por pouco que não entrou pela janela adentro, é bastante territorial, tendo sido observado a atacar um outro rabirruivo macho que apareceu nas redondezas.