• Diogo Oliveira

Inventariação de Invertebrados Noturnos no Instituto Politécnico de Setúbal

Inventariação da Biodiversidade do Campus do IPS

Em colaboração com os professores José Sousa, Helena Simões, Sílvia Ferreira e Sónia Santos do Instituto Politécnico de Setúbal temos vindo a realizar diversas ações para inventariação das espécies que podemos observar no campi de Setúbal e do Barreiro. Foram criados dois projetos no Biodiversity4All para mais facilmente monitorizar a quantidade de espécies e para envolver a comunidade estudantil a participar também. Diversos alunos tem contribuído com observações e aumentado o conhecimentos sobre os campi.

Invertebrados Noturnos

Nesta saída apenas eu e o professor José Sousa é que estivemos envolvidos, sendo direcionada para os invertebrados noturnos, algo que estava em falta nas nossas inventariações. O primeiro passo foi conseguir encontrar uma noite quente que ambos estivéssemos disponíveis, pois eu tenho realizado algumas sessões semelhantes mas em Estremoz. E por isso, estava longe para conseguir deslocar-me a Setúbal. Mas finalmente foi possível, e digamos que tivemos uma surpresa agradável. Um neuróptera que imita os louva-a-deus, neste caso é um Mantispa styriaca. Este inseto passou o tempo a deliciar-se com algumas das borboletas noturnas que a luz ia atraindo, daí que em algumas fotografias se consiga ver pequenas escamas na zona da cabeça. Tivemos a presença de diversas espécies de borboletas, joaninhas de todas as cores, gafanhotos, aranhas, entre outros. O melhor é espreitarem as fotografias.


As fotografias foram tiradas com a minha Sony A7R III e com a lente Sony FE 90mm Macro.