• Diogo Oliveira

Peripécias para Fotografar no Covão d'Ametade, Serra da Estrela | Caminhadas e Aventuras

É um dos locais mais bonitos da Serra da Estrela, e um dos que visito sempre que vou à Serra. A sua formação remonta à época glaciar, altura em que formava uma lagoa. Ele encontra-se a 1420 metros de altitude, e rodeado por várias formações rochosas que são super interessantes para fotografar. Encontra-se no sopé do Cântaro Magro com o Cântaro Raso a sul e o Cântaro Gordo fica para norte. Todos estes afloramentos são visíveis de vários pontos da Serra da Estrela. É aqui que nasce o rio Zêzere, sendo um dos pontos de interesse para fotografar pois ele atravessa o centro do Covão. No inverno pode ficar com tanta água que é impossível entrar no Covão (na última visita fiquei à porta, mesmo com galochas era impossível entrar).

Esta zona é muito atrativa devido à paisagem, à vegetação envolvente, às diferentes formações rochosas, a todo o ecossistema que a rodeia. É um local muito procurado pelos caminhantes, pelos aventureiros, desportistas, amantes da natureza, alpinistas, montanhistas no inverno, que aqui iniciam as suas caminhadas e escaladas ao longo dos vários covões e formações rochosas que terminam junto ao Cântaro Magro, mas também para famílias e grupos de amigos que procuram um local fresco e tranquilo para descansar e relaxar.



QUANDO VISITAR

Embora esteja quase a 1500 metros, o seu acesso apenas é cortado nos dias de inverno mais rigorosos, ou seja, em dias que a estrada esteja cortada devido à queda de neve. No entanto, é preciso ter atenção que nos dias de muita chuva ou com o derreter da neve o acesso pode ser complicado sem galochas. Este espaço possui várias estruturas de lazer, como parque de merendas e assadores. Embora sinceramente não seja um local que visite para utilizar estes apoios, gosto de ir lá para sentir a natureza e para caminhar em tranquilidade. Se gosta do mesmo, deve evitar visitar durante o fim-de-semana.


DETALHES

Ponto de Partida: Estacionamento do Covão d'Ametade

Distância a Percorrer: Entre 2 a 4 km

Altura do ano: Primavera e outono

Melhor hora do dia: Nascer do sol ou por do sol

Material Recomendado: Máquina + objetivas grande angular e normal (entre 10mm e 200mm)

Extras: Consultar a meteorologia por causa das tempestades de neve


COMO CHEGAR

O acesso pode ser feito pela estrada que passa pela Torre, vindo da Covilhã ou através da estrada a partir de Manteigas, para lá chegar pode colocar no GPS as seguintes coordenadas: 40°19'40.1" N 7°35'12.4" O ou 40.327810, -7.586768, ou seguir o link para o google maps.


PERCURSO RECOMENDADO

Existem vários percursos pedestres que começam ou terminam no Covão d'Ametade. Mas sinceramente nunca fiz nenhum, 'perco' tanto tempo a fotografar na zona do Covão que nem chego a sair de lá! Por isso, não existe nenhum percurso que podem fazer. A ideia é mesmo caminhar pela zona à procura de assuntos para fotografar, tem liberdade para procurar, passear, ficar sentado em cima de uma rocha a admirar a paisagem. E podem procurar novos locais nos dias seguintes, chegar mais cedo para fotografar o nascer do sol. Mas não existe um percursos pré-definido que possam fazer. Explorem e fotografem.



A MINHA EXPERIÊNCIA

A última vez que o visitei nem passei do portão! A água era tanta que as minhas galochas não eram suficientes, mas acima de tudo a força da corrente era demasiada para eu arriscar a fotografar. Das outras vezes que fui consegui fotografar sem problemas. Podem ir no outono quando as árvores começam a perder as folhas ou na primavera quando fica todo esverdeado! No inverno devem ter atenção que com o derreter da neve podem não conseguir aceder ao espaço.



JÁ LERAM OS MEUS OUTROS POSTS SOBRE CAMINHADAS E AVENTURAS?

Adoro meter-me em aventuras, perder-me no meio do mato, procurar o caminho certo, ou simplesmente chegar a uma praia ou cascata utilizando apenas o GPS e as imagens de satélite do google earth. Nunca caminho muitos quilómetros porque como imaginam ando com uma mochila carregada às costas, ou levo a Skye comigo. Tento sempre escrever sobre os locais que visito, os que mais gosto criei um post que podem consultar.


Outro local a visitar na serra da Estrela: LAGOA COMPRIDA, SERRA DA ESTRELA


Conhece a maravilhosa cascata de Fervença que fica a menos de 20 minutos de Lisboa: CASCATA DE FERVENÇA, SINTRA


Num dos workshops levei os participantes a fotografarem as luzes mágicas de Sintra: TOUR FOTOGRÁFICO GT: LUZES E SOMBRAS DA PENINHA




VEJAM AINDA OS MEUS VÍDEOS NO YOUTUBE

Criei vários vídeos sobre fotografia de natureza onde explico como fotografar diversos temas e ainda algumas das melhores técnicas fotográficas. Desde fotografar vida selvagem, paisagens ou estrelas, é uma pequena playlist que espero que desfrutem e deixem um like nos vídeos.




NÃO SABEM COMO CONFIGURAR A MÁQUINA?

Quando estamos a fotografar existem várias configurações que devemos alterar para termos o melhor sucesso possível, mas nem sempre é fácil saber o que devemos alterar. Por isso, criei vários posts sobre estes temas que podem utilizar para ajudar a configurar as vossas máquinas.


O guia para principiantes: 30 TRUQUES E DICAS PARA A SUA SONY ALPHA A7RIII


Configurações para fotógrafos com Sony: SONY ALPHA A7RIII - DEFINIÇÕES E CONFIGURAÇÕES GERAIS


Guia perfeito para quem fotografa paisagens: SONY ALPHA A7RIII - DEFINIÇÕES E CONFIGURAÇÕES PARA FOTOGRAFAR PAISAGENS